O presidente se aglomerou sem máscara, fez fotos e manteve contato físico com os apoiadores.

Sem máscara, Bolsonaro provoca aglomeração em inauguração de usina, em GO

Jair Bolsonaro (sem partido) em aglomeração e sem máscara durante agenda em Caldas Novas (GO)Imagem: Reprodução/Facebook Jair Bolsonaro

Guilherme Mazieiro

Do UOL, em Brasília

29/08/2020 10h41

Contrariando as autoridades sanitárias, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), provocou aglomeração sem o uso de máscara, em Caldas Novas (GO). O presidente e auxiliares foram a Goiás inaugurar uma usina de energia fotovoltaica.

Bolsonaro deixou Brasília pela manhã e chegou a Caldas Novas acompanhado do governador do estado, Ronaldo Caiado (DEM).https://cea7b3e8a53b5a3feb100051a5eb616a.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-37/html/container.html?n=0

Os ministros de Minas e Energia, Bento Albuquerque, GSI (Gabinete de Segurança Institucional), Augusto Heleno, e o senador Luiz do Carmo (MDB-GO) também estiveram no ato. O ex-líder do governo na Câmara, Vitor Hugo (PSL-GO), também acompanhou a comitiva.

A usina tem capacidade para atender 4.265 residências, suficiente para abastecer uma cidade de 10 mil habitantes. A energia gerada é ligada à rede convencional.

O presidente se aglomerou sem máscara, fez fotos e manteve contato físico com os apoiadores. No estado, há aceleração no número de mortes relacionadas ao novo coronavírus (veja abaixo).

https://d-2883995743313107971.ampproject.net/2008150009001/frame.html

Desde o início da pandemia, Bolsonaro ignora as recomendações de autoridades sanitárias e provoca aglomerações. No estado de Goiás são 128,9 mil casos registrados e 3.003 mortes. Em todo o país, o novo coronavírus provocou 119.504 mortes e contabilizou 3,8 milhões de pessoas contaminadas. Os dados foram divulgados ontem pelo Ministério da Saúde.

Conforme o levantamento feito pelo consórcio de imprensa, do qual o UOL faz parte, 12 estados e o Distrito Federal tiveram desaceleração na média móvel de mortes pela doença na variação de 14 dias, enquanto cinco apresentaram alta.

Entre as regiões, a Sul registra desaceleração (-24%) na variação de 14 dias, enquanto as outras mantêm a estabilidade do índice: Centro-Oeste (-1%) Nordeste (-14%), Norte (-1%) e Sudeste (-5%).

Veja a oscilação nos estados:

Aceleração: AP, GO, MS, RJ* e TO
Estabilidade: BA, MA, MG, PA, PB, RN, RO, RS e SP
Queda: AC, AL, AM, CE, DF, ES, MT, PE, PI, PR, RR, SC e SE

*O Rio de Janeiro não divulgou seus dados na sexta-feira (28), o que fez com que a média móvel do estado caísse para 93 óbitos por dia nos últimos sete dias. Ainda assim, seguiu em aceleração (+44%), como nos últimos dias.

COMUNICAR ERRO

AS MAIS LIDAS AGORA

Flordelis foi ‘mãe’, ‘sogra’ e esposa de Anderson; entenda relações do clãIncêndio atinge Hospital Santa Luzia, em BrasíliaPsicólogos x psicanalistas: validade do método freudiano segue em debate

POLÍTICA

Publicado por Blog do mixirica e Zoraid.comenta

EU SOU LUIZ WENCESLAU E FAÇO NOTÍCIAS COM VENDAS ONLINE

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s